O controle de estoque eficaz é uma operação crucial para potencializar  a  competitividade no mundo dos negócios. Deve-se buscar a otimização dos recursos.

O controle de estoque é  empregado para registrar, fiscalizar e gerir a entrada e saída de mercadorias e produtos da empresa. O equilíbrio entre o que a empresa deve ter necessariamente estocado e os itens que podem ter seus níveis diminuídos  é que fazem toda a diferença na hora de fechar as contas e verificar onde esta investido o  lucro da empresa. O Controle de estoque deve ser utilizado tanto para matéria-prima, mercadorias produzidas e/ou mercadorias vendida.

A falta de material em estoque pode fazer com que o nível de serviço seja comprometido e clientes não sejam atendidos. Por outro lado, o excesso de material em estoque traz problemas para o fluxo de caixa, espaço e perdas por obsolescência. Caso exista algum erro neste controle, os pedidos podem ser feitos sem necessidade ou não serem feitos quando necessários.

O planejamento é essencial, pois, através dele a empresa  estabelece  uma política de estocagem eficiente, tendo em vista que geralmente o setor comercial deseja um estoque maior para atender melhor o comprador e a área de produção prefere também trabalhar com uma maior margem de segurança de estoque, por outro lado, o setor financeiro quer estoques menores para potencializar o capital investido e melhorar seu fluxo de caixa,  e também diminuir o  capital de terceiros caso o estoque seja financiado (compras a prazo).  Lembrando que o  objetivo do controle de estoque é otimizar o investimento.

controle de estoque

A WK Sistemas desenvolveu o  Radar Estoque  que destina-se o controle de mercadorias, produtos, matérias-primas e almoxarifado. Este software possui relatórios detalhados e flexibilidade em formatações de leiautes fazem do Radar Estoque uma poderosa ferramenta de gestão de estoques.  Quer conhecer? Entre em contato conosco ou ligue para o  nosso atendimento 0800-47388.

Fonte: Sebrae.