O download de jogos pode superar as vendas físicas nos próximos anos.

Cientes deste fato, tradicionais desenvolvedoras de jogos como a EA exploram alternativas para não perderem ainda mais sua posição no mercado.

A realidade é que distribuidoras de jogos gratuitos e para dispositivos móveis vêm se destacando, o que ocasionou em uma redução de 20% nas vendas de jogos de prateleira nos Estados Unidos.

Segundo presidentes de grandes companhias, o foco das produtoras de jogos é expandir a linha de produtos para celulares e tablets e também para jogos sociais, seguindo o exemplo da Zynga, empresa que tem seus jogos concentrados no Facebook.

E você, está preparado para essa transição?

 

Foto: http://www.digitaltrends.com

Fonte: Estadão