O controle de estoque tem como objetivo principal indicar a quantidade efetiva de cada produto existente na empresa, seja matéria-prima ou seja o produto final.

O controle de estoque serve para controlar as entradas e principalmente, o consumo de materiais, o que é uma das funções mais básicas de uma empresa. Os materiais significam em média 60% dos custos de um negócio. Apesar disso, a maioria das pequenas empresas não faz um controle eficaz, causando com isso o conhecido “Furo de estoque“.

Uma das consequências da falta de controle de estoque é não conhecer o consumo médio dos materiais e acaba prejudicando o investimento correto do  capital de giro da empresa. A possibilidade de desvios da produção também é uma efeito da falta de um controle efetivo.

Para evitar isso, algumas dicas podem auxiliar na hora de fazer o controle de estoque:

O controle das entradas e saídas de materiais deve ser obrigatório a ser cobrado rigidamente;

As entradas e saídas precisam ser anotadas em fichas ou em um sistema informatizado, de preferencia, todas;

Toda saída de estoque deve ser acompanhada de requisição de saída;

Todo processo de movimentação de produtos deve ser ajustado por meio Mais >